Enem: o que estudar para Linguagens e Códigos?

4Shares

 

O caderno de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias é um dos 4 cadernos que compõe o ENEM. Este caderno é composto por 45 questões que vai muito além do que uma simples avaliação de língua portuguesa.

Em 2017 houve uma grande mudança no Enem, sendo que o caderno de Linguagens e Códigos foi aplicado no primeiro dia, junto com o caderno de Ciências Humanas e a proposta de redação.

     

Hoje, vamos descobrir como encarar esse caderno de linguagens e desvendar seus segredos.

 

A estrutura do caderno de Linguagens e Códigos

Serão 45 questões, que abordam conteúdos de literatura, língua portuguesa, língua estrangeira (inglês ou espanhol), tecnologias da informação, teoria da comunicação e artes.

Segundo o edital, você deverá ter domínio na norma culta padrão da língua portuguesa e saber interpretar, analisar e compreender recursos estilísticos dos textos motivadores.

As perguntas do caderno de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias tem um formato bem característico: costumam abordar temas nacionais (atuais ou não), em diversos códigos, seja textos, poesias ou artes. As questões quase sempre vem acompanhadas por um texto motivador ou uma imagem, ou ambos.

 

O que cai de conteúdo no caderno?

O caderno de Linguagens e Códigos do Enem vai cobrar do aluno, conceitos sobre:
>Interpretação de textos
>Literatura Geral
>Norma Culta Gramatical
>Regras ortográficas
>Figuras de Linguagem
>Teoria da Comunicação
>Artes
>Língua Estrangeira (inglês ou espanhol)
>Interpretação de Texto

As questões podem variar de textos jornalísticos, charges, literários, publicitários, quadrinhos, imagens e até letras de músicas.

A dica para estudar sobre interpretação de textos é ler bastante durante todo o ano. Não ler mecanicamente, mas realizar sempre leituras críticas, analisando o texto e a mensagem indireta que transmite.

 

Literatura

A prova do Enem, diferente de outros vestibulares, não pede nenhuma obra específica. No entanto, cobra conceitos sobre movimentos literários nacionais: realismo, romantismo, naturalismo, principalmente modernismo.

 

Gramática e Ortografia

O que mais cai aqui são perguntas sobre sintaxe (orações coordenadas, subordinadas, pontuação, crase, concordância e regência). Normalmente não é cobrado de forma direta, mas dentro de um contexto para fazer análise.

Morfologia também cai bastante, portanto conheça classes de palavras (substantivo, artigo, adjetivo, verbo, preposição, conectivos, advérbios) e principalmente concordância.

 

Figuras de Linguagens

Normalmente as perguntas sobre figuras de linguagens são contextualizadas perante um texto a ser analisado, mas as respostas geralmente são bem objetivas. Portanto saiba distinguir metáforas, paradoxos, ironias, hipérboles, aliterações, onomatopeias, pleonasmos, etc.

 

Teoria da Comunicação

Nessas questões, você terá que analisar elementos que compõe uma comunicação eficiente (emissor, mensagem, mídia, código, receptor). Além disso, será cobrado conhecer as funções da linguagem (função referencial, conativa, emotiva, poética, fática e metalinguagem).

 

Artes

Artes também cai bastante nesse caderno. Será cobrado de você conhecimentos sobre arte contemporânea, modernismo, arquitetura, barroco e até arte pré-histórica. Questões multidisciplinares com história também são comuns, ligando ao caderno questões sobre a semana da arte de 22 e o renascimento italiano.

 

Inglês ou Espanhol

A parte da língua estrangeira é composta por 5 questões e normalmente abre o caderno de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias. Escolha a língua que mais tem facilidade e não se preocupe com gramática, ela não será cobrada. O que o Enem quer saber é se você consegue ler um texto e extrair as informações de lá, ou seja, interpretação de textos em inglês ou espanhol.

 

Boas estratégias para Linguagens e Códigos

Cada caderno vai pedir uma estratégia diferente. O grande problema desse é o controle do tempo, porque você terá que encarar longos textos.

Você terá 5 horas de meia para concluir 90 questões (45 de Linguagens e Códigos), mais a redação. Tenha em mente que você deverá concluir esse caderno em apenas 2 horas, sobrando 2 horas para Ciências Humanas, 1 hora para a redação e 30 minutos para passar o gabarito e a folha de redação a limpo.

Caso tenha maior facilidade com Linguagens e Códigos, comece por esse caderno, caso contrário pule para Ciências Humanas.

Segundo professores de cursinhos especializados no Enem, este caderno costuma incluir ‘elementos de distração’ nas alternativas das respostas. Das 5 alternativas, duas estão tecnicamente corretas, mas apenas uma delas se relaciona diretamente com o enunciado.

Portanto, a melhor estratégia é essa: Para cada questão, primeiro leia o enunciado, depois leia direto as alternativas e marque as palavras chave que você acha importante. Apenas depois leia o texto motivador, marcando também trechos que considerar relevantes. Sabendo o que procurar, fica muito mais fácil responder as questões.
Além disso, não se esqueça do poder dos simulados. E leia bastante, pois interpretação de texto só se adquire com prática… muita prática!

 

4Shares
   

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *